Conhecimento Saúde Mental

5 razões para começar a meditar

Venho praticando meditação por quase 1 ano e posso te dizer que mudou a minha vida completamente.

Como a meditação pode te liberar das dores da circunstância

Venho praticando meditação por quase 1 ano e posso te dizer que mudou a minha vida completamente.

Sempre fui muito ansioso e com certas dificuldades de interação social. Confesso que sempre achei meditação balela. Mas hoje vejo como é uma ferramenta importante para cuidar da saúde mental.

Dos meus 20 aos meus 25 anos decidi focar em cuidar do meu corpo. Após atingir um nível confortável de controle e entendimento sobre o corpo humano, decidi focar na mente.

A saúde mental é tão importante quanto a saúde física. E meditar pode ser uma atividade para exercitar a mente.

Muito acham que:

  • Meditação é dormir sentado.
  • Meditação é coisa de gente zen/paz e amor e eu não sou/não quero ser assim.
  • Meditação é uma coisa exotérica/prática religiosa.

Existem vários preconceitos com relação a meditar e no começo foi difícil entender a razão de meditação ser amplamente utilizada pelos meus mentores e escritores favoritos.

No entanto, meditação é uma atividade por si só e não necessariamente é relacionada a uma religião ou estilo de vida.

Meditação serve para ter mais controle da mente te colocando em um estado de calma e foco. E isto é algo essencial para sobreviver ao mundo moderno onde somos constantemente bombardeados de informações, emoções e ansiedades.

CEOs de empresas, artistas do mundo ocidental e diversas outras pessoas praticam meditação.

E não necessariamente seguem o estereótipo do cara zen que só anda com calça de ioga – o que me parece ser algo super confortável diga-se de passagem.

Então antes de explicar como eu medito, eu decidi fazer um post explicando porque meditação funciona.

Abaixo listo cinco pontos a respeito da meditação que me fizeram mudar de ideia e começar esta prática que pretendo levar pro resto da vida.

1. Meditação é a musculação da mente

Meditar é uma atividade que necessita prática diária para se obter resultados. – Foto por Le Minh Phuong

Meditação é uma prática similar à musculação no sentido de que os resultados não vêm imediatamente. Existe uma curva de aprendizado. É um hábito que temos que cultivar e isso leva tempo. Como disse em outro post, aproximadamente 20 horas de prática.

Uma dica que usei para conseguir medita consistentemente foi reservar 10min por dia durante 21 dias consecutivos – faça chuva ou faça sol – e meditar seguindo um tutorial que vi no YouTube.

Uma aula sobre meditação. O estilo se chama Vipassana e é bem simples. Não precisa virar monge para aprender a controlar suas emoções. Possui legenda automática em Português.

Meditação é muito popular na Índia então existe bastante conteúdo de lá (em Inglês). Porém, acredito que também tenha bastante coisa no YouTube Brasil. Basta procurar. Ou talvez seja uma boa hora para colocar o Inglês em prática, o que acha?

2. Não é fácil explicar meditação

Sou um grande fã do filme Matrix (1999) – sim, gosto de filme velho – e vejo na ideia da Matrix uma metáfora para a vida.

“Infelizmente, ninguém pode te contar o que é a Matrix. Você tem que ver por si mesmo.”

Morpheus (Matrix, 1999)

Nós somos programados para viver um certo padrão. No filme, Morpheus tenta explicar para Neo o que é a Matrix, mas não consegue pois é muito difícil de entender se você não ver com seus próprios olhos.

“A Matrix está em todo lugar. É tudo que nos rodeia.”

Matrix (1999) é um filme clássico que conta a história de um futuro distópico onde todos vivem em mundo artificial. Algumas vezes a ficção se aproxima da realidade. – Foto por Markus Spiske

Com a meditação é bem parecido.

Para quem pratica meditação e consegue desconectar as emoções e pensamentos da realidade presente é muito fácil de entender o benefício da coisa.

Porém, para quem não pratica, parece uma atividade meio sem sentido – “Para que eu vou fazer isso?”. Afinal, a vida é feita de emoções, nós somos os nossos pensamentos, nós temos medos…

Na realidade, o que a meditação traz é a capacidade de não julgar pensamentos e atrelar emoções a situações.

Por exemplo, o nervosismo que precede uma apresentação em público não tem absolutamente nada a ver com a apresentação em si. Aquele frio na barriga, coração acelerado, suor frio…

É tudo algo da sua cabeça.

No entanto, é difícil de distinguir o medo da atividade quando você está vivendo a emoção ali presente. Você acha que aquele medo é real. Mas, na verdade, a realidade é que é apenas uma apresentação e ninguém vai te atacar, não há razão para ter medo.

O interessante é que não importa quão banal seja a situação, dependendo das nossas ansiedades o modo luta ou fuga é acionado e a situação pode parecer tão desesperadora quando ir a para a guerra.

Meditação é a habilidade de conseguir “pausar” o medo momentariamente e observar a situação de modo racional.

3. Praticar o presente pode te salvar a vida

O triatleta Colin O’Brady é um dos maiores atletas de endurance do mundo com quatro recordes mundiais. Ele foi a pessoa a completar mais rapidamente o Explorers Grand Slam – ir ao Polo Norte e Polo Sul e escalar sete das maiores montanhas do mundo.

Ele cruzou quase 600km da Antártica sozinho em um clima avassalador. E ele conta em uma entrevista como a meditação – algo que ele pratica a muito tempo – o ajudou a se manter são durante o trajeto.

Ao invés de ficar pensando em como estava frio, ou os ventos rasantes e como ele poderia morrer a qualquer instante ele conseguia rapidamente focar na presente situação.

Sim, tudo isso é verdade (o frio, o vento, a chance de falecer) mas a situação é que você está ali e tem que superar isso. Nestas horas, conseguir deixar o medo, o nervosismo e qualquer emoção de lado para focar em seu objetivo – superar o desafio – pode ser o detalhe que muda o resultado.

Quem nunca trocou as palavras em uma apresentação por estar nervoso?
Ou pior, esqueceu tudo?

Não tem problema algum você ficar com medo, nervoso ou ansioso. Mas existem horas que devemos focar em executar uma atividade e as emoções ali só irão te atrapalhar.

4. As dores da circunstância

Meditação pode ser uma ótima ferramenta para conseguir sobreviver ao estresse do mundo moderno. Foto por Isabell Winter 

Sim, talvez você esteja passando por uma situação desafiadora.

Sim, talvez você consiga imaginar 10 cenários no qual tudo poderia ser melhor.

Ou talvez, você sinta raiva, ansiedade ou uma mistura dos dois enquanto encara uma determinada situação.

Mas caos só cria mais caos

A meditação te liberta das dores da circunstância.

Conseguir se libertar das emoções para focar no que você tem a sua disposição e tentar enxergar soluções em meio aos problemas é uma habilidade única que muitas pessoas de sucesso utilizam para passar por problemas.

Sim, pessoas de sucesso passam por problemas da mesma forma que todos nós passamos.

Ninguém está imune.

No entanto, podemos nos tornar imunes a sensações que podem atrapalhar na execução dos nossos sonhos e objetivos.

5. A ferramenta dos Titãs

O que Arnold Schwarzenegger, Gisele Bündchen, Oprah Winfrey e Giovanna Antonelli têm em comum?

Todos meditam regularmente.

Se você ainda não está convencido de que meditação pode te fazer bem, então faça como eu e siga os passos de pessoas bem sucedidas que não só meditam como também fazem questão de indicar a atividade para outras pessoas.

No livro Ferramenta dos Titãs de Tim Ferris o autor compartilha anotações de entrevistas com grandes celebridades, atletas e empresários e comenta que pelo menos 80% dos entrevistados praticam alguma forma de meditação.

Conclusão

Encare as situações adversas como desafios e use ferramentas como a meditação para obter controle sobre a sua vida. Foto por Motoki Tonn

No momento em que escrevo este post, estamos todos em quarentena devido ao COVID-19. Volta ou outra vejo pessoas nas minhas redes sociais reclamando de tédio ou que não tem nada para fazer.

Algumas pessoas passando por dificuldades por não conseguir se adaptar a uma rotina mais isolada.

Fica aqui minha sugestão para pelo menos dar uma chance para a meditação da mesma forma que devemos encarar uma nova habilidade com dedicação e perseverança.

Posso te dizer que leio frequentemente sobre o assunto e não conheço uma única pessoa que achou uma grande perda de tempo ter se dedicado de maneira correta a uma atividade física ou à meditação.

Existem muitas fontas de informação desde Apps como o Headspace até vídeos como este aqui ou este aqui (que foi o que eu usei – assista os primeiros 15min).

Convido o leitor a…Na verdade, DESAFIO o leitor do Aprendiz Moderno a praticar meditação 10min por 21 dias e comentar os resultados.

2 comentários em “5 razões para começar a meditar

  1. Li o seu relato sobre meditação e refletindo sobre os praticantes de meditação que observei que são pessoas de nível elevado e que a meditação contribuí para acalmar o estresse…
    E com certeza relaxar o o cérebro.
    Parabéns!
    Gostei e vou começar a seguir sua dicas.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: